• FAMILIA

#Desafio Godllywood 78

 

Como é bom se manter fiel a uma decisão que fazemos, não é mesmo? Muitas têm começado o Desafio Godllywood e desistido no caminho; outras, mesmo atrasando um pouquinho, têm continuado e aproveitado bem cada desafio. A diferença entre uma e outra não é a perfeição ou porque uma é melhor que a outra, é simplesmente a atitude diferente de ir até o fim, custe o que custar.

Se você começou e desistiu, não pare com os desafios, comece de onde você parou, pois o que vale não é a quantidade nem o tempo que cada um é feito e sim que eles sejam feitos!

O Desafio Godllywood 78 é:

Faça algo pelos seus pais que demonstre o quanto você os aprecia. Se você não os tem mais, escolha alguém que tem sido como mãe ou pai para você. O importante é mostrar o quanto você valoriza o tempo e a dedicação que essa pessoa tem tido com você, mesmo diante de falhas e fraquezas. Não é porque sua mãe errou com você que ela deixa de ser mãe—pense nas vezes que você errou com outras pessoas, será que você gostaria que as pessoas usassem aquele erro seu como referência sobre a sua pessoa? Claro que não! Nossos pais não são perfeitos mas eles são perfeitos para nós. Uma vez feita essa tarefa, tire uma foto com eles e poste na nossa página nesse link com o seguinte texto: “Eu aprecio os meus pais (ou mãe, ou pai) #DesafioGodllywood 78″

E para você que está se atualizando com os desafios anteriores…

Medite nesta passagem:

“Tudo é puro para os que são puros, mas para os corrompidos e incrédulos nada é puro; antes tanto a sua mente como a sua consciência estão contaminadas.” (Tito 1:15)

Você irá pensar em si mesma e achar em que a sua mente e consciência têm se contaminado. Talvez um pensamento contra alguém, uma ideia errada, uma vontade contra a de Deus, uma rebeldia contra a Palavra de Deus, uma imagem errada das pessoas… Veja que eu não estou dizendo para você ver QUEM tem lhe levado a se contaminar e sim O QUÊ. Você vai olhar para si mesma nesse desafio. Você só pode mudar a si mesma e enquanto tiver algo corrompido dentro de si, não conseguirá tirar proveito desse desafio que tanto lhe quer bem. Só quando você começar a ver as coisas de uma outra maneira, com bons olhos, como no versículo acima, é que você poderá dizer que conseguiu fazer esta tarefa. Poste sobre a sua experiência com essa tarefa na nossa página com o texto “Tudo é puro para os puros #DesafioGodllywood 78-5″

 

O próximo desafio é sobre a vulgaridade. Quando se fala em mulher vulgar, logo vem à mente uma mulher escandalosa com roupas provocantes, mas vulgar é muito mais que isso… veja alguns sinônimos da palavra: banal (sem originalidade), comum (de pouco valor), ordinário (medíocre), e trivial (conhecido por todos). Isso quer dizer que a mulher pode até se vestir discretamente e ainda assim, ser vulgar devido ao seu comportamento. Quando ela é facilmente influenciada pela moda, pela maioria, pelas circunstâncias, ela perde a sua originalidade e fica igual a todo mundo. Uma mulher de pouco valor que não é diferente da maioria. Veja amiga, quando se acha uma peça de roupa em cada esquina, na feira, no mercado, o que concluímos sobre o seu valor? Quando não se faz nenhuma diferença nesse mundo, ou seja, é uma filha como todas as outras filhas, uma esposa como todas as outras esposas, uma aluna como todas as outras alunas, é igual a todo mundo e se torna vulgar também. Faça algo diferente em você mesma, seja no seu comportamento ou no seu visual, para remover qualquer tipo de vulgaridade e poste o que você fez na nossa página com o seguinte texto: “O meu valor excede a de muitas joias #DesafioGodllywood 78-7″

Compartilhe!
Share This Post

About Author: Godlywood

One thought on “#Desafio Godllywood 78

  1. Karina
    10 de abril de 2014 at 23:06

    Eu estava vacilando nos desafios, mas agora tomo essa decisão que não vou desistir de Godllywood pois só ira me fazer bem!!!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>