Godllywood, uma palhaçada?

“Frescura, palhaçada, tanta alma pra ganhar e fica aí: um monte de mulheres vestidinhas de rosa… mas é a filha do bispo né… Eu é que não entro nisso”

Vergonhosamente eu digo que essas frases eram ditas por mim em alto e bom som. Não só estava contaminada como contaminava a muitos.
Só que eu não era uma simples membro da Igreja. Estava como obreira e era líder de grupo. Minha opinião tinha influência sobre as pessoas. E neste momento era uma super influência negativa.  Não gostava do grupo, mas acompanhava cada post apenas com o intuito de criticar. Reclamava das viagens das sisters, falava mal dos trabalhos e ridicularizava o modo como se vestiam. Mas mesmo assim acompanhava cada matéria que saía aos domingos na Folha Universal, lia cada post de dona Cris, tudo que se referia ao grupo eu lia, sabia, comentava e compartilhava a minha visão negativa.
E assim Deus fez o maior milagre que poderia ter acontecido em minha vida! Me fez ver o quão amargurada e infeliz eu estava. O quanto não me amava e não me valorizava por uma série de tempestades a qual passei em minha vida. Me escondia atrás do meu uniforme de obreira, de meus títulos, dos elogios a minha eficiência no trabalho na igreja e competência em fazer tudo… Era uma ótima obreira exteriormente… Afinal de contas a “podridão” interior leva tempo para aparecer exteriormente e assim eu levava adiante o mal que havia em mim, vendo todo trabalho não como ele era , mas sim da forma como meu interior estava (sujo, magoado, contaminado,…)  Mas quem pode ver o interior senão Deus? E quem pode ter tamanha misericórdia como Ele?
E Ele me amou!
Me amou acima de meus defeitos. Me amou acima do que eu fazia contra Sua Obra… E Ele mudou a minha história de forma “forçada”.
Cada post que eu lia, ali escondidinha, para não manchar a minha imagem. Era Ele falando. Ele me despia… mostrava cada podridão de minha nudez e o pior que Ele fazia só para mim mesma… E isso me doía demais… Mas ali estava a minha cura.

Um dia eu tive que pedir transferência de igreja e fui ser obreira em uma igreja bem menor… Nesse tipo de igreja se fica mais visível aos olhos de todos.
Chegando lá conheci a esposa do pastor e para minha “triste” surpresa: Ela era sister!!!

Ela falava do grupo, fazia reuniões e me “intimava” a estar nessas reuniões. Afinal eu ainda era a obreira que ajudava em tudo na igreja… é claro que eu ia… Afinal de contas tinha minha reputação de excelente obreira para manter, não é?!

E assim começou a mudança! Começou minha reconstrução…
Essa mesma esposa um dia chegou para mim super contente com uma carta na mão, um sorriso largo e feliz da vida me diz: “Abriu inscrição para o Godllywood, toma essa carta e vai se inscrever!”Naquele momento o chão saiu dos meus pés, mas ali comecei a viver…
Apenas por obediência fui, me inscrevi e passei… Fui para o rush e no final de quase um ano o resultado: Passei!!! Estava no Godllywood!!!
Hoje já se passaram quase três anos que estou no grupo. E não me vejo em outro lugar nem fazendo algo diferente.

A primeira coisa que o Godllywood fez por mim, foi me fazer ver quem eu era.
A Valeria era magoada por ter sido abandonada pelo marido, estava infeliz, se sentindo menor, sem qualquer valor, vivendo por viver, fazendo tudo para não ter tempo para ver que na verdade não era nada….
O grupo me levou a tratar meu interior. Me ensinou a me valorizar. A me por em primeiro lugar e a ver que tudo deve ser para a Glória de Deus e não minha. O grupo me ensinou que para ser feliz não há necessidade de pessoas mas sim de Deus e de estar bem consigo mesma.
Eu era masculina, me vestia com roupas largas, usava boné o tempo todo e queria a todo tempo “competir”, ” mostrar que “eu era melhor”… e quantas não foram as vezes em que dizia:”tá pra nascer um homem que faça alguma coisa que eu não faça melhor!”…

Hoje vejo quão inoportuno e egoísta era esse sentimento.
Hoje sou feliz! Feliz em ser mulher…
Não quero, nem vou competir com homem algum. Sei o meu lugar e amo estar nele!
Agradeço a cada dia pela vida da dona Cris. Agradeço pela dona Priscila Santos, que me levou a entrar no grupo. A cada sister que me acompanha até hoje…
E digo tudo isto por que sei que infelizmente ainda existem pessoas que pensam como eu pensava e espero que elas lendo isso percebam que o problema é muito maior e está dentro de cada um e não no grupo.

Espero que vocês se deem a oportunidade de conhecer o Godllywood e assim poder crescer, melhorar e amadurecer não para os outros mas para você mesmo.”

 

Compartilhe este Post

Sobre o Autor: Godlywood Brasil

107 thoughts on “Godllywood, uma palhaçada?

  1. solange mendes
    17 de novembro de 2015 em 11:30

    Eu era assim tb, achava um grupo de metidinhas a toas que não tinham o que fazer, bando de futeis, eu falava, que vergonha meu Deus, mas há 02 nos decidir entrar, decidir ver o que havia de errado, por que min ha resistencia.Ai descobrir que meu exterior, demonstra o que tenho dentro. Aprendi a me vesti, a me arrumar, a reconhecer e mudar minha maneira de ser.Meu jeito afobado de agir, como falo alto, e dou risada alta, mau de baiano, aprendi que preciso mudar se quero ir além se quero chamar a atenção de Deus. aprendi que não sou culpada por tudo que acontece com minha familia, que não sou Deus para resolver tudo. E ainda estou em proesso de mudança. Há muito o que mudar ainda. Graças a Deus que rompi meu orgulho e entrei a melhor coisa da minha vida

    • Sandra Feliciano
      4 de abril de 2016 em 15:47

      Boa tarde!
      Também criei uma certa resistência em entrar para o grupo Godllywood.
      Mais pela obediência, acabei cedendo, e teno que confessar que estou amando.
      Meus esposo disse que eu estou mudada, mais bonita, me vestindo melhor e fazendo as coisas com mais carinho e atenção em casa.
      Isso pra mim já é lucro, ter o reconhecimento do meu esposo, que é uma pessoa que
      preciso sempre estar fazendo o melhor, muito bacana tudo isso.
      Estou curtindo muito fazer cada oferta, a cada dia, e quero que tudo isso entre nas minhas veias e faça parte da minha vida para sempre, não quero fazer apenas pra apresentar minhas ofertas, quero me dar muito mais pelo meu casamento e minha família, o aprendizado é para sempre.
      Esses dias fiz um jantar e arrumei a mesa toda com muito carinho, e meu esposo perguntou se eu não iria tirar foto, rsrssr, eu disse que não, que aquele jantar era fruto do que aprendi, que devo sempre dar o melhor de mim.
      Infelizmente, de vez em quando escuto de umas e outras que não tem tempo pra essas coisas, que é uma palhaçada, e fico pensando, onde foi parar o temor?
      Um projeto que só nos traz melhorias, e geralmente quem fala, precisa mudar em muitas coisas, mais infelizmente ainda não abriram seu coração.
      Mais tenho certeza que quem é de Deus, vai acabar cedendo e reconhecendo que é algo positivo que tem somado na vida de todas as mulheres obedientes e de fé. E que sejam bem vindas em nosso meio!

  2. 17 de novembro de 2015 em 12:25

    ainda Bem que acordou a tempo o godllywood so veio com intuito de ajudar as mulheres. ai vem uma pessoa e diz coisas ruim? e como vç dizer que não gosta de quiabo sm ao menos prova.lo pra saber se não gosta mesmo. ainda be que vç enrou no godllywood e viu que aquilo que pensava não era o que imaginava #glóriaaDEUS e que ele abençõe mais e mais a #CristianecardosoAmentora.

  3. Maria Aparecida
    17 de novembro de 2015 em 12:57

    Nossa muito forte estou ate emocionada pois era exatamente assim que eu rã e eu tbm fui regatada pelo Godllywood e hoje tbm tenho vida graças a Deus a esse grupo que me resgatou das trevas que eu vivi durante tanto tempo muito forte .

  4. Carla Damasceno
    17 de novembro de 2015 em 13:30

    Entendo perfeitamente o que essa mulher passou, tambem tinha maus olhos diante do grupo “bando de patricinhas de cabelo loiro pranchado !Nao tem personalidade , e se bombear nao pode ser do grupo se nao for assim !”,nao escondia das minhas amigas a frescurite que achava do grupo , e quem mais precisava era eu ,sabia que se entrasse no grupo as mudanças que tanto procurava e nao sabia por onde começar ,saberia o que fazer , mas ao olhar as garotas tao bem arrumadas , parecendo “intocaveis” “olha só como somos perfeitas “,me afastava de tudo o que o grupo oferecia ,lembro -me que ainda assim as esposas do FJU incentivavam as jovens e eu sempre estava la no meio delas ,pensando em tudo isso, começei os desafios para me inscrever mesmo tão relutante e resistente ,com maus olhos ,coração tão sujo e pesado que lembro-me que o peso era sentido no físico.E em meios desafios godllywood Espirito Santo trabalhava ,até que começei a entender o que realmente me esperava naquilo tudo e comecei a me sentir péssima ao reconhecer tudo que se passava dentro de mim,chorava ,me sentia culpada por tanto maus olhos,pedi a Deus perdão,misericórdia e condição pra pra nao desistir de tudo ,já que estava com um baita preconceito do grupo,Fiz os desafios (que foi uma luta atras de luta comigo mesma e com a minha familia que criticava a todo momento ),mesmo com tudo isso acontecendo dentro de mim,a unica coisa que me agarrei durante todo o periodo de desafios foi a frase que tem aqui no site sobre O que é Godllywood – mulheres que querem ser melhores para Deus – passado desafios ,o dia da entrega foi a mais dura,pois com o evento do SDN pra acontecer aqui na Bahia ,a entrega começou um dia antes do previsto,e nao consegui ,mas houve uma ultima oportunidade no domingo no dia do evento ,no dia mais corrido,acordei cedo e fui literalmente “abrir “a igreja pra ser uma das primeiras e garantir minha vaga,e morrendo de sono entreguei ,passado um tempo ,fiz a matricula,recebi o email para o Rush ,e ainda cheia de duvidas ,maus olhos , sabia que tudo isso se dissiparia conversando com a sister…E essa teve muita paciencia comigo ,nao medi palavras sobre o grupo disse a ela tudo o que se passava dentro de mim,tudo o que eu era avessa,e pacientemente,com toda calma e carinho me explicou ponto a ponto ,ela me mostrou o porque das regras , me disse do meu cabelo que na verdade , era ele ser cacheado mesmo do jeitinho que eu gosto,se tem haver com a minha personalidade?Mas teve uma frase que me mexeu muito que foi “Voce vai impedir o Espirito Santo te moldar , por causa de um esmalte,uma saia ,o tipo do cabelo ?Se o que importa pra Deus é o seu interior !A beleza é de dentro pra fora !
    Depois dessa cessou tudo ,Espirito Santo me mostrou que mesmo no meio de tantas pranchadas , meu cabelo tambem fazia a diferença! rsrs Usufruí até no Rush onde descobri tudo o que precisava trabalhar ,cresci em alguns pontos , isso no RUSH !Eu nao me tornei perfeitinha,pelo contrario ,finalmente me enxerguei e sei onde estou e o que tenho que fazer agora que me recém formei ,sim hoje sou Pledge , do Godllywood , sim no grupo das patricinhas -que de patricinha tem NADA – Imagina agora que acabei de entrar no mais que irei crescer com Deus e comigo mesma ?Agradeço a Deus por Ele ter me feito chegar até aqui pra me dizer o que eu tenho que fazer,Ele quer mais de mim ! Eis -me aqui Senhor !
    PS :Eu digo que quebrei a cara com o grupo ,nada do que eu achei que era é .Entao se voce tambem tem maus olhos ,acha frescura… experimenta só entrar , pra voce ter uma dimensão do que é Godllywood,tire suas conclusões .Voce nao vai querer sair.

  5. EDILENE TEIXEIRA
    17 de novembro de 2015 em 15:01

    BOA TARDE EU TAMBÉM NÃO TINHA UMA VISÃO NADA BOA DO GODLLYWOOD PENSAVA QUE ERA SO ENSINARA VESTIR COM FRESCURA E CHEIAS DE COISINHAS ENGRAÇADO QUE SEMPRE ME ESMEREI EM TODOS OS GRUPOS DA IGREJA ONDE PRECISASSE DE MIM LA ESTAVA EU MAS PELO GODLLYWOOD NUNCA ME INTERESSEI E AINDA DIZIA SE NÃO MUDEI ATE HOJE É PORQUE DEUS ME QUER ASSIM. NO INICIO DO ANO FIZ AS TAREFAS DO RUSH NÃO PARA ENTRAR MAS QUERIA VER COMO ERA E PRA MINHA SURPRESA DEUS MUDOU MEU JEITO DE PENSAR DE AGIR DE TRATAR AS PESSOAS TRANSFORMOU MEU CASAMENTO TUDO ISSO PORQUE PRATIQUEI AS TAREFAS NÃO SO FIZ MAS VIVI HOJE JA FIZ MINHA INSCRIÇÃO TINHA DIFICULDADE PRA IR PARA AS REUNIÕES POR CAUSA DO MEU ESPOSO MAS AGORA ELE FAZ QUESTÃO QUE EU VÁ PORQUE VIU EM MIM UMA MUDANÇA INTERNA. BOM EM FIM PRA QUEM ACHAVA GODLLYWOOD COISINHA PRA FILHINHA DE PAPAI HOJE NÃO VEJO A HORA DE FAZER PARTE DESSE GRUPO

  6. Lívia
    17 de novembro de 2015 em 15:04

    Olha…
    Muuuuuito forte e de fato ainda existe um preconceito muito grave com o grupo e infelizmente no meio de obreiras que acham que não precisam do grupo, pois já são muito de Deus.
    É triste ouvir esse tipo de comentário.
    Louvo e agradeço a Deus por fazer parte dessa família e por ter o privilégio de aprender e querer fazer sempre o melhor para Deus.
    Muito forte seu testemunho.
    Deus te abençoe e continue te usando muito.
    Bjinhos.

  7. Silvana Diana
    17 de novembro de 2015 em 15:52

    Minhas filhas Fernanda e Natalia fizeram e continuam, eu achava bobagem também, ás vezes não concordava com algumas coisas, daí vi a mudança nelas então nasceu o desejo em mim, e percebi o quanto estava errada e o quanto preciso entrar neste grupo, então eu com 50 anos, como estou muito jovem rs, mas aos 80 também entraria, me inscrevi, e não vejo a hora de iniciar…até fiz umas 3 tarefas no inicio de tudo, mas não tive força e nem entendia nada, hoje, quero demais.Abraço

  8. Jacqueline Ferreira Bispo Rodrigues
    17 de novembro de 2015 em 16:58

    Muito forte esse relato! É muito lindo ver o quanto Deus nos faz mudar da água para o vinho,o quanto nos ama.Ele nos faz voltar a ser um embrião e ser gerado e alimentado com a fé.O Godlllywood trouxe vida a muitas mulheres.Eu sou muito feliz por fazer parte desse grupo,pois eu também tinha vários receios que na verdade eram barreiras que me impediam de vencer desafios,vencer a mim mesma.Esse relato com certeza ajudará muitas mulheres a aceitarem o desafio de serem melhores.Muito bacana mesmo!Louvado seja Deus por essa transformação.

  9. 17 de novembro de 2015 em 18:44

    Eu quero muito fazer parte aprender fazer melhor sempre para Deus.

  10. 18 de novembro de 2015 em 8:42

    Muito bom , também eu não fazia ideia do que seria o grupo , mas através das tarefas fui aprendendo e Deus me transformou , hoje sou uma nova mulher , cresci e aprendi , mas quero muito mais ,sempre preciso de mais intimidade com Deus ,preciso mostrar a outras mulheres o que Ele e o grupo têm feito por mim , para que elas também possam integrar o mesmo e serem também elas transformadas.

  11. karla santos
    18 de novembro de 2015 em 13:00

    Pura verdade esse relato , eu tambem ja ouvi muitas pessoas falarem o mesmo ,e eu mesma dentro de mim ja pensei :poxa ela nao sabe o que esta falando!mas continuei , acompanho as postagens e ja aprendi muito inclusive a combater esses pensamentos ainda nao faço parte do grupo porque nao me acho muito capaz, mas aquela revolta que sentia as vezes quando lia alguns posts aprendi a utilizar pro bem pra me moldar e nao pro mal , aprendi que quando passamos por dificuldades na vida agente tem uma tendencia a ser orgulhosa me lembro de post da cris sobre aparência que passei o dia inteiro revoltada pensando ela nao sabe onde moro , nao sabe o que passo , nao sofre o que sofro , mas isso me mostrou o que fazer pra melhorar , meus olhos foram abrindo pra eu combater a mesmice e Deus me mostrou que mesmo estando na igreja ouvindo a tanto tempo eu estava acomodada , sou grata ao goodlywood passo o link pra todas as pessoas que conheço e nao conheço porque tem sido um grande diferencial pra mim.

  12. Cláudia Santos
    18 de novembro de 2015 em 15:55

    Como a Valéria eu também tinha uma visão totalmente deturpada do Godllywood,via àquele grupo de mulheres reunidas todas bem vestidas e elegantes com maus olhos achando que era pura vaidade porque eu mesma não sabia me dar valor,tinha no meu interior marcas de rejeição e baixo estima,mas após ler um post no blog da Dona Cristiane de alguém criticando o Grupo tive meus olhos abertos e decidi fazer os desafios,fui sendo moldada pelo meu Deus, fiz o Rush e me formei em 2014, hoje incentivo outras mulheres a ingressar no Grupo porque foi através dele que me curei interiormente e aprendi a me valorizar e me tornar uma mulher virtuosa.

  13. Francis S. Carvalho
    19 de novembro de 2015 em 20:25

    Olá meninas! este post é muito bacana e agradeço a Deus por ter guardado meu coração e não ter me contaminado com tudo de negativo que falavam sobre o Godllywood.
    Quando o grupo começou a crescer aqui no RJ além ouvir amigas que tiravam conclusões erradas do projeto, me falavam de pessoas que ainda não mostravam o que realmente o Godllywood representa. Na época não sabia muito bem como participar, tinha responsabilidades que para comparecer as reuniões ficaria muito complicado (embora o objetivo fosse também aprender a me organizar melhor). Pedi a Deus que me mostrasse ONDE Ele no Projeto falaria COMIGO, onde ajudaria nos MEUS problemas, eu pedi pra ELE ME MOSTRAR o lado positivo que eu não conseguia ter acesso devido a esses comentarios negativos e falta de conhecimento. O Godllywood pra mim aqui no meu bairro era como uma multidão que falava assim pra mim – Olha Francis, não vai lá na frente pq vc não vai gostar! Mas eu dizia, Gente! Eu quero ver com meus próprios olhos!!!.Sabe o que aconteceu? Como eu conheço um pouco de informática, tive oportunidade de ensinar 3 sisters que precisavam aprender a postar fotos e acessar melhor as redes sociais para suas tarefas e através delas encontrei firmeza pra rebater essa negatividade que vinha de pessoas que quem sabe por experiências ruins como a Valéria passou tem essa resistência em conhecer melhor e fazer parte do grupo. Daí quando vinha alguém com o negativo, tinha o que falar. Depois comecei a ver em mim o que eu preciso mudar, mas não tenho conseguido sozinha, foi aí que no final de 2014 comecei a fazer os desafios no site, não consegui me inscrever devido os contratempos no dia e continuei fazendo alguns desafios que me ajudaram a entrar nesse processo de mudança e já enviei meus dados pro Rush do proximo ano. Acredito que quando a gente abre o coração pra Deus e pede pra nos mostrar a realidade, a essência de alguma coisa, Ele nos mostra. Se tem ou não pessoas que ainda não passam o que o Godllywood significa, não temos que ficar julgando porque Deus tem sido misericordioso conosco em muitas falhas nossas e com tempo fomos mudando. Então quem ainda desacredita deste projeto, comece a fazer os desafios e Deus vai te mostrar o quanto enganada você está a respeito. Um abraço!

  14. Amanda
    19 de novembro de 2015 em 23:28

    Lindo ttestemunho obreira , eu admiro muito todo trabalho da universal e espero em breve fazer parte desse grupo de mulheres maravilhoso godllywood..

  15. Fernanda Nascimento
    2 de janeiro de 2016 em 12:53

    Sinceramente,penso como no post acima,tenho muito maus olhos com relação ao grupo,mas msm assim,fiz minha inscrição,para mudar minha visão sobre o mesmo.

  16. licia valeria
    9 de janeiro de 2016 em 23:28

    nossa, temos o mesmo nome e era um pouco parecida com a maneira sua de vestir achava o grupo frescura mas pessoas acreditarem em mim estou evoluindo no grupo como essa historia pareceu com a valeria velha kkk AI QUERO MAS MUITO MAS QUERO FICAR MAS FEMININA POSSÍVEL OBRIGADA DEUS ME MOLDE MAS……

  17. 11 de janeiro de 2016 em 20:22

    Verdade e quantas nao pensam assim veem o grupo como algo desnecessario , nao Tao importante mas se enganam , pois o grupo tem a funcao de nos ajudar nos fazer melhores em Tudo , cada Desafio tem como obejetivo de nos construir em mulheres,maes, filhas melhores , que por onde passam exalar o bom Perfume de Jesus.

  18. Larissa Figueredo
    12 de fevereiro de 2016 em 15:52

    Eu também tinha um preconceito sobre o grupo somente depois de eu ter que passar por algo que jamais imaginei, fui humilde para reconhecer que precisava de ajuda.

  19. Cintia
    16 de fevereiro de 2016 em 9:22

    Praticamente nasci na igreja, mas quando surgiu o grupo godllywood não despertou em mim nenhum interesse em participar, ao observar as meninas na igreja tirando fotos o tempo todo, aquilo me transmitiu uma imagem negativa.
    Porque tenho que ser delicadinha? Ser uma bonequinha e me vestir toda colorida, rs…. ?Era isso que eu pensava, mas ao entrar no Rush descobri que o grupo vai alem do que imaginava, nos tornamos melhores.
    E é isso que quero ser, uma mulher melhor…

  20. 16 de fevereiro de 2016 em 14:47

    Assim eu tive uma nova visão depois desse post por eu também sou disse errado era , pq depois de ler esse post mudou minha visão

  21. 16 de fevereiro de 2016 em 14:47

    Assim eu tive uma nova visão depois desse post por eu também sou disse errado era , pq depois de ler esse post mudou minha visão e me Ajudou muitíssimo

  22. 17 de fevereiro de 2016 em 0:32

    EU TAMBÉM,ACHAVA QUE ERA PERCA DE TEMPO E ATÉ CRITICAVA DIZIA QUE ERA BOBAGEM , PENSAVA QUE O TRABALHO NÃO ERA PARA GANHAR ALMAS AO PONTO DE CHAMAR O GRUPO DE GUDI GUDI, MAIOR FALTA DE RESPEITO,QUANDO PENSO QUE MALTRATEI PESSOAS ,SINTO ME ENVERGONHADA.
    RECEBIA CONVITES DAS OBREIRAS.
    MAIS TE DIGO UM DIA DESSES O ,ESPIRITO SANTO ME MOSTROU QUE EU ESTAVA MUITO ERRADA E QUE AS MINHAS ATITUDES NÃO AGRADAVAM A DEUS, E QUANDO O ASSUNTO É AGRADAR AO DEUS VIVO PARO TUDO E REFLITO.
    RESOLVI VISITAR A REUNIÃO E A DONA CRISTIANE FOI USADA POR DEUS E TOCOU NAS MINHAS FERIDAS, AQUELAS QUE É DIFÍCIL DE OUVIR,ENTÃO PENSEI QUERO MUDAR PRECISO DESSA AJUDA DESDE ENTÃO SOU UMA DAS CANDIDATAS AO GRUPO ESTOU FAZENDO AS TAREFAS E VEJO EM MIM ALGUMAS MUDANÇAS.
    MORAL DA HISTÓRIA, NUNCA JUGUE OS OUTROS PELA CAPA, MAIS VEJA A ESSÊNCIA O VALOR,SUAS QUALIDADES E SEUS EFEITOS.

  23. Talita da Silva
    2 de março de 2016 em 10:12

    Eu também tinha essa visão a respeito do Godllywood, achava que o grupo era para meninas mimadas que queriam apenas se arrumar bem nas reuniões de quarta e domingo, cumpri tarefinhas de tirar fotos com a mão no queixo, ou um chá entre amigas (naquele tempo eram chamadas ainda tarefas rs), mas a dureza que tinha sobre o grupo sumiu a partir do momento em que eu deixei essa visão que eu tinha de não entrar no grupo de lado, mal sabia me arruma ou me valorizar como mulher, usava jeans de segunda a segunda rs, não me achava capaz de ser muito mais do que eu era. Mas tudo mudou quando em 2012 (logo no inicio da criação do grupo) decidir fazer os desafios godllywood, e a mudança foi notória, tanto em casa, como na igreja e em outros lugares, aprendi a me valoriza com mulher, amadureci, aprendi e aprendo a cada dia mais e mais desde jovem até hoje servindo a Deus em sua obra, e hoje digo, o godllywood foi e é essencial em minha vida!

  24. Marizete Francisco Pereira
    5 de março de 2016 em 14:08

    Inicialmente quando soube da existência do Godllywood, não dei nenhum importância, a minha arrogância, orgulho era tanto que estava cega. Hoje graças a Deus já não penso o mesmo.
    em 2015 fiz os desafios, Rush, não Entrei no grupo. Havia, muita podridão a ser removido. Hoje estou a fazer o Rush 2016, reconheço o Valor deste trabalho.É uma oportunidade de cada mulher poder olhar para si mesma, e descobrir o seu Verdadeiro Valor.

  25. cida fernandes
    19 de março de 2016 em 14:10

    O Godllywood veio para mudar a vida das mulheres!
    #Rush2016
    #Godllywood

  26. andrisa bueno
    20 de março de 2016 em 16:28

    No dia que eu fui fazer a entrevista para entrar no Rush ,a esposa me perguntou por que queria entrar no grupo , e eu respondi ” Eu quero me superar ” , realmente eu estou me superando e aprendendo mais a cada dia .

  27. Cristina
    21 de março de 2016 em 13:49

    Achei muito forte este post, e realmente acho que muitas mulheres ficam sépticas, são contra, porque o trabalho do Godllywood, vai mexer com toda a nossa estrutura, toda uma bagagem do passado, mexer com as nossas memórias, fraquezas, inseguranças, vai nos fazer ver a nossa real condição, O SENHOR vai nos despir de todo orgulho e prepotência, revelar-nos quem realmente temos sido. Isso mexe cá dentro, por isso acredito que muita gente evita esse confronto e prefere viver na acomodação sem ter que passar por essa experiência de “sofrimento de metamorfose” ou transfiguração. Mas eu falo por mim, amo o trabalho do Godllywood, e adoro mais ainda o meu Deus porque na sua infinita misericórdia sabe o quanto precisava dessa transformação interior, e tudo aquilo que me distanciava mais de Deus, vai dar lugar a uma ligação mais profunda e intima, que me vai ensinar a servi-lo melhor cuidando te todo um interior para liberta-lo, e embeleza-lo, para dar lugar a uma mulher infinitamente melhor, mais consciente de si mesma de grande valor que valoriza acima de tudo O Seu SENHOR.
    .

  28. Sandra Eloi
    21 de março de 2016 em 22:58

    Boa Noite
    D. Cristiane.
    Não achava uma Palhaçada, mas achava que era muito trabalho e que ja tinha muita coisa a fazer, não conseguia entender que fazia parte da minha rotina e sim que iria me dar mais trabalho.
    Hoje tenho outros olhos e estou gostando me sentindo mais Valorizada e me vendo por dentro Melhor…
    Obrigadão
    Deus abençoe muiiito
    Sandra

  29. Grasiele Venâncio
    22 de março de 2016 em 16:51

    BOA TARDE!!!
    Por incrível que pareça, da mesma forma que esta obreira, eu achava o Godllywood um coisa totalmente desnecessária. Por pura ignorância, sem ao menos conhecer a proposta do trabalho, o julgava como algo fútil demais para mim. Via o público que fazia o Godllywood como meninas que não tinham muito compromisso com a obra de Deus. Enquanto na verdade elas estavam sendo preparadas para serem melhores na Obra de Deus.
    É incrível o poder transformador deste trabalho. Quando nos colocamos a disposição de Deus para que Ele molde o nosso interior é bom demais. Tenho tido experiências incríveis ao fazer um simples jantar e até mesmo me portar de forma mais sábia diante dos outros.
    Nunca imaginei que ainda pudesse tantas coisas para mudar em mim.
    Agradeço a Deus pela excelente oportunidade.

  30. Luciene Teixeira
    29 de março de 2016 em 10:26

    Olá , Tenho uma história parecida… Mas fui levada para o deserto para saber o quanto precisava tomar uma atitude em participar do grupo.
    a minha história…
    Quando o grupo deu inicio eu não entendia qual a mensagem que seria passada. O que dê fato o grupo queria ensinar. Seria apenas para se vestir melhor, seria apenas para saber se maquiar, seria apenas para saber se comportar, infelizmente eu olhava e via “meninas querendo serem perfeitas em um mundo perfeito”. Mas um dia uma mulher de Deus perguntou se eu estava no grupo, para mim o grupo nada tinha a ver comigo. Eu disse não. Ali aprendi de fato no comportamento e nas atitudes o que seria o grupo Godllywood, e me disse o quanto lhe ajudara em todos os sentidos. Ainda assim, não aceitei, e vinham mais e mais convites para entrar, até o pastor da minha igreja me incentivou a participar, mas não aceitei. Recusava a voz de Deus, então tive que passar por desertos e tribulações para que pudesse enxergar que era preciso, eu precisava mudar, precisava amadurecer, e principalmente investir na minha vida com Deus. Hoje estou no Rush e vejo que perdi tempo. Eu deveria ter entrado e aproveitado antes. É muito gratificante você saber que pode crescer com Deus e aprender a cada dia. Como mulher, esposa, amiga, profissional etc.
    Espero que eu possa ter ajudado alguém,, Bjs

  31. ANGELICA
    29 de março de 2016 em 13:38

    Eu posso dizer que bem antes não entrei no Godllywood,por ter um pensamento imaturo quanto ao mudar ,não concordava,ate então eu entrar percebi que muitas coisas são de mera importancia em minha vida e na vidas das outras mulheres

  32. Tiffany cerro caro
    31 de março de 2016 em 19:28

    Como dijo lamentablemente hay mujeres que piensan de manera equivocada del grupo, el grupo nos enseña muchas cosa una de ellas es destacar nuestras fortalezas. Hace que nuestras amenazas se vuelvan oportunidades y nos hace una mejor mujer de Dios.

  33. joane
    1 de abril de 2016 em 23:06

    eu tambem pensava desta forma a respeito do grupo mais depois de conhecer atraves da minha filha,foi quando percebe que estava completamente errada a respeito do grupo godllywood perde muito tempo pensando assim,so quem estava perdendo só era eu mesmo, vejo a transformação na minha filha para melhor.nao só o lado fisico quanto espiritual e este ano estou fazendo o rush e ja posso ver o quanto o projeto esta mim ajudando.

  34. Daniela Silva
    2 de abril de 2016 em 18:18

    Eu tinha o mesmo pensamento a respeito do Godllywood, até porque tinha muitas meninas do grupo que não davam bom testemunho. E como era só aquilo que eu via eu pensava daquela forma. Só descobri o quanto o Godllywood ia me ajudar quando vi o testemunho de uma menina que era idêntico ao meu.

  35. Renata Castro
    3 de abril de 2016 em 20:15

    Já tinha tentado entrar no grupo há mais ou menos um ano atrás, mas desisti na metade. Lembro que a cada tarefa que eu pegava no blog da dona Cris, me trazia uma alegria enorme e uma grande vontade de cumpri-la da melhor forma possível. As pessoas na igreja já estavam percebendo a diferença em mim, na minha forma de me vestir e de me comportar. Mas por falta de um encontro com Deus, diante da primeira dificuldade, desisti. Hoje, mais uma vez estou firme e forte nesse rush, aprendendo a cada dia mais. e sinceramente não me arrependo de não ter conseguido antes, porque creio que Deus sabe de todas as coisas. E Ele sabe o quanto cada reunião mensal, como cada tarefa tem me ajudado na minha vida profissional, na minha vida pessoal, espiritual e no meu casamento. Tenho a certeza de que era nesse rush que eu tinha que estar, pois tudo que tenho feito e aprendido, vai direto na minha deficiência para com Deus e me dá a chance de melhorar. Tenho tido a oportunidade de mudar minha maneira de me vestir, de me comportar, de me enxergar e me valorizar e principalmente de me tornar uma mulher melhor para agradar ao Meu Senhor.

  36. leila de carvalho vitoriano
    3 de abril de 2016 em 23:09

    Estou tendo meu primeiro contato com godllywood,depois de uns anos que começou, ouvia falar varias coisas das pessoas que estavam no grupo tais como de como era difícil que exigia muito entre outras coisas e detalhe não é um fardo como ouvir fala. Estou no rush e estou amanda as reuniões, o cuidado que as sister tem com a gente e o cuidado que recebemos de nos ensinar em todos os sentidos…a melhor opção que tomei nesse ano, o ano da excelência.

  37. 4 de abril de 2016 em 19:40

    Sempre admirei o grupo Godllywood, mas falava que não tinha tempo para estas coisas… Hoje fazem três meses que entrei no Rush, e ja percebi uma mudança grande em mim, na minha vida espiritual e na convivência com as pessoas ao meu redor, e antes o meu tempo não rendia, era uma correria o dia todo,quase não tinha tempo nem para Deus, hoje faço minhas tarefas ( com excelência), me dedico a Deus, trabalho, cuido da casa e do meu marido e de mim; e no final do dia vejo o quanto foi produtivo o meu dia!! Agradeço a Deus por esta oportunidade de ser uma mulher melhor e estar participando deste trabalho tão precioso dirigido pelo Espírito Santo.

  38. Thaís Aline Cardanha Silva
    5 de abril de 2016 em 14:09

    Vivo na maior correira, trabalhando fora, trabalhando na obra, cuidando do meu bebê , do meu esposo da minha casa, do meu cachorro (ufa!) muita coisa, quando abriu as inscrições para o Rush penseiÇ: “Não é para mim, não dá”, mas depois refleti, se me esforço tanto para dar conta de tudo, porque não ser uma mulher melhor para meu Deus?!, tudo depende muito da sua ótica.

  39. larissa ferreira
    5 de abril de 2016 em 16:04

    Estava cega pelo meu orgulho que não deixava Deus agir em minha vida pelo godllywood , hoje estou feliz pois reconheci meu erro , me sinto vitoriosa , tudo mudou em mim. agradeço pela existência do godllywood para sermos mulheres melhores!

  40. 7 de abril de 2016 em 14:36

    Eu ja tinha tentando entrar no grupo 2 vezes e essas 2 tentativas me fizeram desistir, hoje estou no Rush outra vezes, e passei por momentos que quase me fizeram desisti, mais conversei com uma amiga que é da iurd de outro estado ja formada, que me insentivou muito , disse que só iria me acrescentar que eu não poderia desistir dessa vez, era pra mim era pra ser uma oferta viva pra Deus e não para mostrar pra ninguém, disse o Godllywood não era um fardo , mais um presente de Deus para nos mulheres crescer Espirutualmente, e isso é tudo que eu sempre quis depois dessa conversa com ela tambem conversei com meu esposo que faz o Intellimen e ele disse que não era pra eu desistir que se preciso até me ajudaria, e eu ajudar ele tbm, estou seguindo em frente vou ir até o fim mesmo se por algum motivo eu não for aprovada eu vou continuar até chegar o dia em que eu entrar!!!

  41. Camila Taveira de Sousa
    7 de abril de 2016 em 23:50

    Muito forte este testemunho, realmente muitas mulheres criticam o godllywood sem saber o bem que ele faz na vida de inúmeras mulheres, inclusive na vida de muitas delas que mudaram de opinião após conhecerem e ter suas vidas transformadas.

  42. 9 de abril de 2016 em 18:33

    Muito Forte mesmooo!… Louvo a Coragem do seu Testemunho, pois quando estamos libertas do nosso interior, nada mais nos para!… Vamos arrebentarrr!…

  43. Beatriz Roque Martinez
    10 de abril de 2016 em 18:39

    Muchas mujeres no entienden el trabajo que se hace para su cura y solo critican, lo ve con malos ojos, malas actitudes y si no concientiza , su situacion Dios no puede actuar, mas el ser persistente se logra el resultado deseado

  44. DALIANE HAHN BORGES
    10 de abril de 2016 em 22:21

    Muito forte essa declaração, eu entrei no Rush agora em 01/2016 e escutei muitos falarem mal do grupo, que é uma perda de tempo que são todas patricinhas que não tem o que fazer em casa, etc, etc. Muitas que falaram fazem a Obra e se consideram boas no que fazem, mas se esquecem que elas precisam investir no seu crescimento pessoal, o Godllywood é um projeto excelente, ele nos ensina a sermos mulheres melhores, nos ensina a sermos mais fortes e ao mesmo tempo frágil, nos ensina a sermos encantadoras, criativas, carinhosas, disciplinadas, realmente é uma oportunidade de ouro poder fazer parte desse grupo, eu estou amando,

  45. 11 de abril de 2016 em 0:31

    Infelizmente esse era o pensamento de muitas meninas … inclusive o meu, agora vejo o quanto era preconceituosa, e vejo meus erros e oque devo melhorar, as reuniões mensais tem sido uma benção e de grande ajuda pra mim .

  46. Alessandra Pires
    12 de abril de 2016 em 9:58

    Muitos nao dão a mínima pro grupo tem uma certa resistência. Mas hoje entendo que isso é porque quando a mudanças o ser humana nao gosta de sair da zona de conforto. Mexer com nosso eu doi. E por isso creio essa resistência. Nao me arrependo de ter decidido fazer o rush. Descobri muitas coisas em mim e tenho mudado dia a dia. Obrigada

  47. Carla Couto
    13 de abril de 2016 em 10:34

    Eu tinha a mesma opinião sobre o grupo, achava uma coisa fútil e fugia para não entrar…até que fiz a minha entrevista e hoje estou no Rush e já percebo várias mudanças em comportamento, jeito de falar, me vestir, cuidado com a minha família e principalmente está me ajudando a voltar a prática das primeiras obras.

  48. KELLI CRISTINA DA SILVA G. CLARO
    15 de abril de 2016 em 8:00

    eu tinha um grande preconceito do grupo,pois muitas que estavam me tachavam coisas que ao meu ver eu não queria aquilo pra minha vida,até que decide por causa de minha filha ela é colaboradora e eu obreira,fomos a entrevista e vi que as pessoas ouve uma coisa,escuta outra e interpreta totalmente diferente,pois se somente ouvissem entenderiam,hoje aprendi a gostar e estou muito bem,porém aconselho com aquilo que realmente eu ouço.

  49. ONYINYE OTUONYE
    15 de abril de 2016 em 21:51

    Eu também achava que não tinha necessidade de fazer parte do Godllywood ,hoje eu aprendi cada mês na reunião do Godllywood as palavras que me ajudam a ser uma mulher melhor através da palavra ensinada no Godllywood eu cresço espiritualmente . Hoje estou fazendo Rush e estou muito feliz .

  50. Alana Neves
    17 de abril de 2016 em 22:31

    Quando fiz a inscrição e entrei no rush não sabia bem o que era o grupo, ouvir vários comentários e explicação, mas ainda não sabia o que poderia mim ajudar. Posso dizer que desde o inicio não foi e nem está sendo fácil, mais a cada tarefa que mim dedico, Deus fala comigo de formas diferente e estou aprendendo a verdadeiramente ter um relacionamento com Deus. E o que mais mim chama atenção é que cada oferta vai de acordo com as minhas necessidades a todo o momento. Agradeço a Deus por mais uma oportunidade de está mais próxima dele.

  51. juliana mendes
    18 de abril de 2016 em 18:48

    Infelizmente muitas pessoas acham que o Godllywood é perda de tempo,mas com certeza não é.É um grupo que foi criado pelo próprio Deus!Nos ensina a priorizar Deus em nós,a nos valorizar e,nos ajuda em todas as áreas de nossa vida.Como um grupo desse,pode ser insignificante?

  52. Romina Itati Batalla
    18 de abril de 2016 em 21:13

    El Godlywood es una bendición…yo siempre quise formar parte de él, me ponía triste porque pasaban los años y nunca llegaba hasta aquí : Formosa, una pequeña provincia de Argentina…más este año Dios lo quiso!! llegó y valoro cada tarea porque es la oportunidad de ser una mujer mejor…gracias a Dios por querer hacernos mujeres con Espiritu Excelente!

  53. Leticia Nascimento
    21 de abril de 2016 em 12:19

    Eu achei esse post muito legal, eu era um pouco assim também achava que o godllywood era coisa de quem não tinha o que fazer, no fundo eu tinha vontade de fazer parte mas como ainda não tinha o desejo de mudar dentro de mim não vencia o meu orgulho, eu até tentei algumas vezes mas nunca me esforcei o bastante.
    Agora estou muito feliz, ainda estou no Rush mas só de ter feito as tarefas, participado das reuniões eu já me sinto uma nova mulher e o melhor posso influenciar positivamente minhas meninas do grupo ao qual participo a fazer parte.

  54. Roberta Neves dos Santos
    21 de abril de 2016 em 12:49

    Logo no inicio quando vi a chamada do grupo na igreja,me interessei pois algumas amigas minhas já são formadas e obreiras, já haviam me falado do Godllywood e eu Deus foi me mostrando que eu seria uma filha, uma mulher melhor quando entrasse nesse grupo. E eu fiquei me perguntando, será que posso fazer mesmo sem ser obreira? e minha reposta foi sim.
    No inicio fui muito criticada, pois não usava calça jeans nas reuniões no salão. Porem eu via que eu estava certa, tendo em vista em obedecer as regras do não. Já fui questionada por obreiras, sobre isso, me dizendo que isso é um desfile de moda.
    Hoje vejo que não em nada haver com desfile. O senhor Jesus quer que sejamos mulheres de Deus, mulheres fortes, e para isso acontecer precisamos estar bem espiritualmente, precisamos estar em comunhão com Ele. O Godllywood me ajudou e tem me ajudado muito a me tornar uma Mulher Vistuosa.

  55. 21 de abril de 2016 em 14:54

    Olá obreira, eu também resisti mas não com essa fúria rsss. Graças a Deus que foi ajudada. Parabéns.

  56. Jeane Souza Lima
    22 de abril de 2016 em 10:16

    Confesso que tive uma grande tendência a pensar dessa forma, como muitas. Mas quando me dei a chance de conhecer o trabalho, percebi que não estava agindo com inteligência. É incrível como podemos formar opiniões tão precipitadas, injustas e preconceituosas com coisas que nem sequer conhecemos! Esse é o tipo de comportamento comum nas pessoas que perseguem diariamente a Igreja do Senhor Jesus. Algo esperado para quem não conheceu a verdade, mas não em nós que fazemos parte deste corpo! Este é um sinal de que precisamos estar atentas a nós mesmas, revendo e observando nosso interior. Sempre!

  57. Divanira Luiza de Camargo
    22 de abril de 2016 em 12:46

    Tenho 62 anos estou aprendendo muito principalmente cuidar mais de mim.

  58. Lilian
    25 de abril de 2016 em 21:11

    Eu também tinha uma visão totalmente diferente para o grupo, achava que não era para mim que não tinha vontade de “aprender em me vestir”, hoje participando do rush entendi que o grupo vai muito alem disso e o quanto ele é muito mais espiritual do que imaginava e tenho aprendido muito com minhas tarefas.

  59. wanessa nunes
    26 de abril de 2016 em 9:52

    também tinha maus olhos com o grupo, pelo mau testemunho de algumas integrantes. julgava todas por elas, e achava desnecessário e fútil. mas teve um dia em que eu quis melhorar, melhorar em tudo e decidi entrar no rush. nossa e que desafio!!! tem me ajudado demais! muitas coisas ja mudei, melhorei e só esta no começo, cada reuniao é um aprendizado e tanto, cada tarefa, meu Deus! mordi minha língua, rsrsr… hj, sou uma incentivadora às outras jovens a conhecer o grupo .

  60. Flávia
    29 de abril de 2016 em 13:58

    Muito lindo esse testemunho! Também ja pensei que era bobagem entrar no godllywood e agora estou no rush e aprendendo a ser melhor pra Deus, a cada dia aprendo uma coisa nova e pra mim esta sendo gratificante.

  61. Paloma Souza Nascimento
    29 de abril de 2016 em 23:01

    Pois eu era uma dessas que pensava a mesma coisa ,e nao sentia vontade de fazer por que ia tomar o meu tempo e achava uma coisa q nao ia me levar ate a Deus entao nao achava interessante ,ate que em um dia as esposas da minha iurd tambem falou pra mir ir ate fui me escrever e passei ai fiz o rush durante 6 meses mais nao coloquei toda minha força pois fiz so ate 3 meses e parei e todas que se escreveram junto comigo passaram e me perguntava e eu falava em classe que nao, mas na proxima eu me escrevia de novo mas toda vez que tinha as escriçoes abertas eu nao ia por que nao me dava vontade ser igual a elas. Mas em um belo dia conversando com uma obreira ela me falou que eu precisava muito de fazer o godllywood pois eu ia ver o quanto eu estava errada sobre a este respeito. E hoje eu faço o rush e vir que realmente ouve uma mudança em mim mesmo nao estando dentro ainda do grupo mas ja vejo resultado e estou me dedicando cada dia.
    Pois isso so foi um resumo da minha historia.

  62. 2 de maio de 2016 em 17:08

    sempre tive vontade de entrar no grupo para ser uma pessoa melhor, lendo este post, me animei mais ainda, quero fazer parte deste grupo tão abençoado!

  63. Luciana Roberta Pereira
    3 de maio de 2016 em 8:39

    Realmente eu também achava uma frescura, a apos algumas amigas do grupo ficar no meu pé dizendo você tem que participar e então eu dei inicio ao Rush mas não fui aprovada e agora estou novamente no Rush.

  64. 3 de maio de 2016 em 8:43

    Realmente eu também achava uma frescura, a apos algumas amigas do grupo ficar no meu pé dizendo você tem que participar e então eu dei inicio ao Rush mas não fui aprovada e agora estou novamente no Rush, por que eu comecei a ver diferença na vida delas e percebi que eu precisava sim daquela ajuda interior, as ofertas como tarefas nos faz enxergar o quanto somos falhas com a nossa vida espiritual, casamento e família.
    Deus sabe todas as coisas e sabe o melhor caminho e pra onde deve me direcionar.

  65. Andressa
    6 de maio de 2016 em 11:04

    Cada tarefa concluída no RUSH, molda um caráter em cada área de nossa vida, ao observar sem conhecer o Goodlywood julgamos sendo frescura e palhaçada sem perceber que a partir desses pensamentos precisamos de uma mudança por completo, o qual o grupo nos proporciona essa modificação.
    Estou nos desafios há 5 meses e confesso que minha auto confiança, minha postura e maneiras de agir estão melhores, eu me torno a cada tarefa concluída melhor para Deus.

  66. 6 de maio de 2016 em 11:08

    Cada tarefa concluída no RUSH, molda um caráter em cada área de nossa vida, ao observar sem conhecer o Godllywood julgamos sendo frescura e palhaçada sem perceber que a partir desses pensamentos precisamos de uma mudança por completo, o qual o grupo nos proporciona essa modificação.
    Estou nos desafios há 5 meses e confesso que minha auto confiança, minha postura e maneiras de agir estão melhores, eu me torno a cada tarefa concluída melhor para Deus.

  67. Aylla almeida luz
    6 de maio de 2016 em 23:54

    Que post maravilhoso!!!!!! EU me vi nele, rsrs
    Estou no rush, e já venho uma diferença imensa no meu ser, eu via o grupo como algo desnecessário, algo que não me acrescentaria em nada, até comentava ”a minha salvação não depende de eu estar ou não no grupo” (que cega que eu estava não ?!)
    Eu olhava para quem estava e no meu mais intimo admirava, mesmo que criticasse, eu lia também os post, via as fotos, assistia vídeos, e um lado falava ”vai, faça sua inscrição” o outro falava ”pra que? isso é coisa de quem quer ter status de simplesmente estar no grupo, e se você for, você nem vai passar, você não é meiga, não é menininha, não tem voz fininha e nem agradável você é”.. Em 2015 quando teve o rush, eu cheguei a fazer quase todas as tarefas, mas no dia da entrega para ser aprovada ou não no rush, eu não fui, eu achava que ainda ”não era a hora certa” pois havia recebido o espírito santo há 3 meses e precisava primeiro cuidar da minha vida espiritual.
    Tudo começou a mudar quando eu comecei a olhar pra mim… como eu tinha coisas dentro de mim que eu só conseguiria mudar se eu fosse lapidada, mas como?!… ai que veio a formatura do grupo no templo, e ali encontrei a resposta…através do godllywood, naquela reunião eu me abri pra Deus, pedi perdão a ELe por ter tido esses olhos com o grupo e veio a sede de participar do próximo rush,a sede de ser aquela mulher tão incrível que a dona cris falava lá na frente do altar.. e quando abriu as inscrições eu fui tão feliz, sem fazer tarefas ainda, mas na certeza de que eu mudaria e seria outra mulher… e aqui estou, ainda no rush, mas já com resultados incríveis, com tanta coisa mudada, com uma visão totalmente transformada em relação não só ao grupo, mas em minha vida, meu interior, hoje me amo tanto (rsrs) mas tanto!!! Que sei que abaixo do Meu Senhor, vem eu, vem a minha pessoa, e isso tudo devo a Deus que usou mulheres de fé para mostrar coisas que eu jamais veria se não tivesse sido quebrantada.

  68. 7 de maio de 2016 em 12:28

    Ao conhecermos o grupo e seu objetivo temos uma nova visão ,percebemos que é pra nos tornamos melhores pra Deus e para nós também .

  69. Cizânya Farias
    10 de maio de 2016 em 17:26

    Também não queria fazer parte do grupo até que fui por livre e espontânea pressão kkk, mas foi pra o meu próprio bem. Mas não criticava e nem falava nada a respeito do grupo, eu apenas não via pra mim, que não tinha tempo, já fazia muitas coisas na obra e seria mais uma tarefa. hoje estou fazendo o Rush 2016 e estou terminando minhas tarefas, onde tem me ajudado espiritualmente.

  70. LUCIANA PEREIRA
    13 de maio de 2016 em 14:50

    No inicio tinha uma visao negativa do grupo,nunca fui radicalmente contra,mas pensava de domingo toda arrumada na igreja não dá,porque vou para o bairro ganhar almas.Hoje vejo diferente,uma o mais importante é o que voçe é,e tem certas indagaçoes no seu interior que não serão resolvidas fazendo a obra e sim,identificando o problema e trabalhando em cima disso.Beijos

  71. Denise forão
    13 de maio de 2016 em 16:46

    Eu pensava assim também ,mas hoje estou aqui fazendo as minhas tarefas espero muito passar pois quero ser melhor

  72. Leisiani Maria Batista dos Santos Costa
    13 de maio de 2016 em 16:58

    Bom eu pelo contrário sempre admirei essas mulheres, o jeito como falavam, se comportavam, se vestiam.. até que um dia tive a oportunidade de me inscrever. No início tava toda empolgada com a oportunidade, mas com o tempo por causa da preguiça quase desisti. Ainda estou no rush e graças aos conselhos da Dona Leidiane esposa do meu pastor eu mudei de atitude e decidi vencer esse desafio. Deus tem me abençoado.. tenho crescido como mulher de Deus e não vejo a hora te terminar as tarefas e ser aprovada!

  73. Rose Almeida
    16 de maio de 2016 em 14:55

    Me identifiquei com essa obreira, confesso que tinha esses pensamentos e após conhecer o projeto vi o quanto estava mal espiritualmente com esses pensamentos sobre o Godllywood, minha visão mudou quando entrei no Rush e vi o quanto acrescentou na minha vida Espiritual e em todos os sentidos da minha vida, pensava que já sabia tudo, mais estava completamente enganada.

  74. Maria Eduarda
    17 de maio de 2016 em 23:19

    O Godllywood é uma benção de Deus na vida daqueles que sabem olhar com bons olhos. Pois é uma oportunidade especial de melhorar como mulher, e assim poder dar os frutos que Deus nos escolheu para dar. Estou aproveitando cada alimento que tenho recebido.

  75. Natylie Bacelar Francesconi
    18 de maio de 2016 em 5:19

    Nunca tive opinião negativa sobre o grupo, mas claro, tive que superar alguns desafios.

  76. lucristinavpr@gmail.com
    20 de maio de 2016 em 3:15

    Que DEUS possa abençoa dia pois dia cada mulher que faz parte do grupo godllywood pois ele está ajudando a cada uma de nós.

  77. Raquel Lorraine
    20 de maio de 2016 em 13:54

    Muito bacana! O Godllywooad tem me ajudado bastante na formação do meu carater, o rush me tornou uma mulher virtuosa, algo que acreditava que nunca seria, o melhor é estar bem comigo mesma e ve a diferença que tenho feito ao meu redor!!!

  78. tatiana cotrin gomes
    21 de maio de 2016 em 12:48

    As vezes julgamos sem conhecer o trabalho maravilhoso que é do goodllywood que nos ensina muito em todas as areas da nossa vida

  79. Aída gaspar
    24 de maio de 2016 em 18:04

    No começo eu pensava assim também,mais hoje estou aqui fazendo minhas tarefas com muito carinho e dedicação,e desejo muito passar e aprender mais,pois quero ser melhor.

  80. Camila Castor
    26 de maio de 2016 em 21:38

    Comigo foi diferente, quando conheci o grupo, me apaixonei pelo grupo, logo tiveram reuniões pré Rush e eu participava fielmente, até que surgiu o Rush, porém nesse meio tempo iniciei a faculdade e comecei a namorar, deixei de lado o grupo e acabei nem me inscrevendo para o Rush, um ano se passou e um novo Rush chegou, nessa época eu estava trabalhando e estudando muito, me barrei nessa dificuldade e mais uma vez fugi. Nesse ultimo Rush, passei por cima de tudo, meus medos, receios e qualquer dificuldade que aparecesse, e estou aqui, quase terminando meu Rush, prestes a ingressar nesse grupo maravilhoso!!!

  81. Leticia Karolina
    28 de maio de 2016 em 21:50

    Sempre pensei totalmente ao contrário e tenho um enorme desejo de ser do grupo. Infelizmente não sei o que esperar desta vez, mas sou persistente e toda oportunidade que tiver estarei por dentro até fazer parte, para a glória de Deus, no tempo dEle e é claro esforçando-me e dando o meu melhor para Deus.

    • 28 de maio de 2016 em 21:51

      Sempre pensei totalmente ao contrário e tenho um enorme desejo de ser do grupo. Infelizmente não sei o que esperar desta vez, mas sou persistente e toda oportunidade que tiver estarei por dentro até fazer parte, para a glória de Deus, no tempo dEle e é claro esforçando-me e dando o meu melhor para Deus.

  82. neuracyr
    29 de maio de 2016 em 19:52

    NO COMEÇO FIZ TAMBÉM AS TAREFAS POR OBEDIÊNCIA, MAS DEUS ME MOSTROU QUE EU DEVERIA FAZER PELA MINHA MUDANÇA, PORQUE SENÃO EU IA CAIR NA FÉ. DEUS MOSTROU O MEU INTERIOR, ME MOLDOU E ME FEZ MUDAR PORQUE PEDI AJUDA A ELE.
    ESSE RUSH VEIO PARA SALVAR MINHA VIDA ESPIRITUAL, EU MESMO ME VEJO OUTRA PESSOA E TAMBÉM AS PESSOAS VEEM MINHA MUDANÇA. NÃO FAÇO PARTE DO GRUPO AINDA, MAS JÁ NO RUSH HOUVE UMA TRANSFORMAÇÃO TANTO POR DENTRO TANTO POR FORA.
    EU TINHA MAUS OLHOS COM O GODLLYWOOD, MAS DEUS TEVE MISERICÓRDIA DE MIM E HOJE ESTOU NA PRESENÇA DE DEUS FORTE E ABENÇOADA E O ESPIRITO SANTO CONTINUA CUIDANDO DE MIM.

    OBRIGADA GODLLYWOOD.

  83. Ana Maria Guimaraes Santana de Freitas
    30 de maio de 2016 em 22:26

    Muito forte esse post, para quem está de fora , todos tem a liberdade de pensar desse mesmo jeito, porém o projeto é muito mas que isso, nos ajuda a ser melhor em tudo, principalmente no espiritual, as vezes não queremos sair do comodismo e quando vem desafios para sermos melhor então reclamamos, sendo que as únicas beneficiadas somos nós quando as vezes nem nós acreditamos do que somos capazes.

  84. 31 de maio de 2016 em 8:57

    É muito forte o quanto Deus nos ama. Na minha percepção o grupo Godllywood não veio para mudar nada, mas sim para acrescentar. É um cuidado maior que o Espírito Santo está tendo com a Igreja, com as mulheres da Igreja. Quando é apresentada uma nova oferta a ser cumprida, é Deus falando: Faça para mim, mas faça melhor! A medida que fazemos melhor para Deus nossa vida está mudando… Acho interessante pensar que não é um curso de noivas ou de casais, que tem data para começar e terminar… O Godllywood nunca termina. Trata-se de um compromisso de cada uma de que TODOS os dia vai se esforçar, se enfrentar para agradar a Deus e desagradar a sua carne! Estou participando do Rush e realmente tem sido uma experiência muito abençoada! Mas confesso que não tem sido fácil, o grupo requer de nós, como já disse, compromisso e disciplina. Tenho me esforçado para agradar a Deus e vencer minhas debilidades. O que eu não conseguia entender é que adiar esse enfrentamento com as minhas fraquezas estava prejudicando apenas a mim. O grupo continuará o mesmo sem mim, se eu desistir ou não for aprovada, mas eu não serei a mesma sem o Godllywood!

  85. Gisleine Souza
    31 de maio de 2016 em 18:21

    Poxa…como é bom saber que DEUS NOS CONHECE e sabe das mudanças que cada uma de nós precisamos para se tornar uma mulher excelente em todos os sentidos, então por AMOR a todas que estão dispostas a mudar…ELE cria situações para que as mesmas aconteçam.Glorificado seja nosso SENHOR por Ser PERFEITO EM TUDO OQUE FAZ!

  86. Simone Esmeraldino do Amaral
    31 de maio de 2016 em 23:21

    Muito lindo!! eu era mais ou menos assim, só que eu dizia que não tinha tempo, pois trabalho durante o dia e a noite ia servir a Deus como obreira, e aos finais de semana é servindo a Deus também, então eu não conseguia achar tempo para poder fazer minhas tarefas, mas na verdade o que faltava era mesmo organização, e foi assim que fiz, comecei a fazer as tarefas, foi tão bom que comecei a ver os resultados e vivi realmente dia apos dia. Tem me ajudado muito.

  87. Laura
    1 de junho de 2016 em 17:21

    Não tinha maus olhos para o Godllywood, mas também não via nada que pudesse ser acrescentado, quão tola eu era, entrei para o rush e nesses meses já vi o quanto o grupo tem me acrescentado e disciplinado, o quanto tenho mudado e aprendido…Passando ou não sei que muitos valores eu recebi e agradeço muito por aprender a cada dia!

  88. 3 de junho de 2016 em 18:45

    Como pode ter pessoas q pensam assim…o godllywood tem me ajudado muito!

  89. 4 de junho de 2016 em 7:43

    Muito forte esse depoimento, as vezes a nossa rotina diária e nossos costumes nos faz olhar as coisa em a devida importância, no meu ponto de vista o GODLLYWOOD foi instituído por Deus para nos ajudar a melhorar como serva, esposa, mãe, amiga e melhorar para si mesma. Pois os ensinamentos são direcinados exclusivamente para nós mulheres que deseja se tornar apreciáveis. Muitas pode até achar desnecessário, não se deve julgar antes de conhecer esse lindo primeiro.

  90. 5 de junho de 2016 em 18:46

    No começo eu tbem não tinha muita vontade de fazer, pois estava cheia de coisas pra fazer, mas vejo que estou aprendendo e crescendo a cada dia.

  91. Maria do Socorro Vieira Pinto
    7 de junho de 2016 em 18:49

    “Mas quem pode ver o interior senão Deus? E quem pode ter tamanha misericórdia como Ele?” Deus teve misericórdia de mim e me curou, me libertou da cegueira espiritual.

  92. MARIA DA PAZ PINTO CERQUEIRA
    10 de junho de 2016 em 19:01

    Que bom que pra srª teve jeito, que Deus pôde abrir seus olhos a tempo. Que assim seja na vida daquelas que ainda duvidam, porque são justamente essas as que mais precisam.

  93. 16 de junho de 2016 em 14:09

    Eu era uma das meninas que já olharam esse projeto com maus olhos, mais não entendia que Deus precisava me moldar, para que a exelencia chegasse na alma.

  94. 16 de junho de 2016 em 14:10

    Eu era uma das meninas que já olhem esse
    projeto com maus olhos, mais não entendia
    que Deus precisava molda a mim, para
    que a exelencia chegasse nas alams.

  95. Joyce Lima
    16 de junho de 2016 em 22:43

    Uma dia achei que não tinha nada haver com o Grupo Godlywood.
    Hoje digo Obrigada Godlywood!

  96. Nicole Fidelis
    22 de junho de 2016 em 10:15

    Eu também olhava o Godllywood com maus olhos, ”ficar andando de sainha?ECA”!
    Hoje o godllywood me ensinou a ser oferta para o meu Senhor, eu não me arrependo de ter entrado no rush 🙂

  97. Luciana Sales
    25 de junho de 2016 em 9:46

    Falar do Godllywood é um prazer, pois quando cheguei na igreja, vestia roupas indecentes, apertadas, e sempre eu olhava as esposas, o modo de se vestirem me chamava atenção.
    Percebia o quanto eu deveria mudar, mas isso demorou, porque a falta de valor e amor próprio adiava o meu crescimento espiritual, e hoje olho para o céu e agradeço a Deus por essas direções magnificas que tem dado aos lideres da Universal.

  98. Rita Nascimento
    27 de junho de 2016 em 23:10

    O Godllywood têm me ensinado a ser oferta para meu Senhor, uma forma de ser e fazer mais para Deus, e quanto mais faço para Deus através do Godllywood, mais me sinto perto de Deus, estou dando através das ofertas (tarefas) mas tem Deus tem me acrescentado muito.

  99. 28 de junho de 2016 em 20:16

    -Muito bacana o post de hoje, pois quantas mulheres não se encontra no mesmo lugar que essa jovem? Eu mesma me encontrava nele, mas depois de realmente entender o objetivo do grupo e usar a cabeça e ver que jamais o Bispo Macedo iria permitir um grupo na Iurd que fosse apenas para usar saia e vestidos cor de rosa eu pude ver o quao importante o Godllywood é, na vida de cada mulher como aos olhos de Deus. O grupo Godllywood veio para nos torna mulheres diferenciadas, e com valor proprio, e antes de qualquer coisa mulheres com intimidade com Deus.

  100. 29 de junho de 2016 em 15:18

    Eu também era assim dizia que eu nao era menina o suficiente para fazer as tarefas como oferta, eu dizia que eu nao ia entrar no grupo
    Mas graças a Deus hoje eu estou no Rush estou me esforçando para ser melhor para Deus e sei que vou conseguir! 🙂

  101. 30 de junho de 2016 em 15:35

    Eu também jà cai nessa armadilha. Lembro-me que um dia minha irmã me pediu ajuda para realizar uma das suas tarefas e eu disse a ela que isso era coisa de quem não tem o que fazer, que a filha do bispo era uma dondoca e que vivia fora da realidade, meu Deus como eu estava cega e precisando de ajuda. Hoje vejo tudo isso como uma oportunidade de me tornar uma pessoa melhor e estar mais perto de Deus.

  102. 6 de julho de 2016 em 10:01

    Essa mensagem parace que foi feita exclusiva para mim! Eu era assim tambem. duvidada do projeto e achava uma palhacada. hoje ah hoje mudou esta mudando minha vida.

  103. 12 de setembro de 2018 em 8:14

    Muito forte este post, ainda mais para quem está de fora , todos tem a liberdade de pensar desse mesmo jeito, porém o projeto é muito mas que isso, nos ajuda a ser melhor em tudo, principalmente no lado espiritual

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *