Eu continuava orando por ela…

Meu nome é Jeneci, sou natural de Santa Catarina. Lutei pela minha filha Janaina por quatro anos. Ela era rebelde, andava com pessoas erradas, só queria festas, era viciada em drogas e bebidas alcoólicas. Tinha depressão, síndrome do pânico, vários relacionamentos frustrados e não dava certo com ninguém! Foram quatro anos ... Read More...

Meu filho Washington era usuário de Crack

 Meu Filho Washington era usuário de Crack, e por conta do vício se tornou uma pessoa extremamente rebelde a ponto de me culpar por estar totalmente dependente. Para poupar sua vida, cheguei a pagar dívidas de drogas, e mesmo assim ele roubava a própria irmã para manter o vício. Dentro de casa ... Read More...

Eu era uma mãe envergonhada e humilhada

Durante a adolescência, meu filho era obediente e estudioso tudo parecia normal, mas com o passar do tempo meus sonhos foram sendo destruídos.Tudo começou quando ele passou a se envolver com más companhias e descobri que havia ingressado no mundo das drogas.  Aos doze anos se tornou um adolescente problemático e rebelde, ... Read More...

Existia uma muralha entre nós

Aos 13 anos de idade eu fui violentada, o que me levou a gravidez do meu primeiro filho Alex. O tempo passou e ele nasceu, e por mais que eu tentasse eu não conseguia vê-lo como o meu filho. Existia entre nós dois uma muralha, uma dor que me impedia de ... Read More...

Conheci de perto a dor da mãe de um viciado

Aos 12 anos de idade eu já estava viciado em cigarro e maconha, o famoso "baseadinho". Por causa da bebida cheguei a desmaiar por tanta embriaguez, me tornando um viciado nato e assumido ao ponto cometer pequenos furtos para sustentar os vícios. Aos 14 anos ingressei no mundo do crime, praticava assaltos ... Read More...

Parei de me entristecer…

Me chamo Maria José Soares tenho 60 anos e passei por momentos difíceis com minha filha Soraya, eu não suportava ver tamanha tristeza e vazio que ela carregava. Complexo de inferioridade, e a ideia de ser a pior pessoa da face da terra, faziam parte de sua vida, o que ... Read More...

Uma vida por um fio

Marli Pedroso - 71 anos Criei meu neto Alexsandro Pedroso desde os seus dois meses de vida. Aos 15 anos envolvido com pessoas erradas se entregou ao mundo das drogas e do crime. Por muitas vezes esteve à beira da morte; quase morreu ao ser atingido por um tiro, cuja bala passou ... Read More...

Uma nova história

Me chamo Severina e comecei a frequentar a Universal juntamente com a minha filha Rebeca. Os anos se passaram e aos 14 anos de idade Rebeca se afastou de Deus, começou a se envolver com más amizades, passando a usar drogas, beber, fumar, e se relacionar com mulheres. Rebeca se tornou uma ... Read More...